a família que formamos

Dezembro 30, 2011 § Deixe um comentário

 

Mas, quando chegou a plenitude do tempo, Deus enviou o seu Filho, nascido de uma mulher, nascido sob o domínio da Lei, para resgatar os que se encontravam sob o domínio da Lei, a fim de recebermos a adopção de filhos. E, porque sois filhos, Deus enviou aos nossos corações o Espírito do seu Filho, que clama: “Abbá! – Pai!” Deste modo, já não és escravo, mas filho; e, se és filho, és também herdeiro, por graça de Deus. Gl 4, 4-7

 

Quem escreveu estas palavras foi Paulo?
Paulo chamava-Te como o Teu Filho? Abbá?! Papá?!
Quem lhe ensinou esse dialecto de amor?
Paulo conviveu com o Teu Jesus? Caminhou com Ele pela Galileia? Cruzaram-se em Jerusalém? Sentaram-se à mesma mesa?
Se estas palavras tivessem sido escritas por João… Foram escritas por Paulo!
Que idade tinha Paulo?
Por que caminhos andou até chegar à maturidade de filho?
Pai!! Meu Pai! Pai só Tu és bom e não desistes!
O Teu Jesus começou a contar a história do Pai que tinha dois filhos e esperou o tempo certo para que fosses Tu a terminá-la, a revelá-la na vida de Paulo. O filho mais velho entrou em casa, pela primeira vez.
É isto nascer de novo?
É esta a alegria, o espanto de descobrir as maravilhas que sempre estiveram na casa onde se cresceu, mas que passaram despercebidas?
É assim que um adulto se desmonta?
É esta a maturidade de criança que nos ensina o Teu Espírito Santo?
Pai! Desmonta-me das seguranças a que me agarro e ensina-me a caminhar como filha, com a confiança serena de uma criança que não sobrevive sozinha e tem tudo para aprender de Ti.
Hoje, quero cantar aquela canção que Te canto desde sempre… cada vez com menos medo e mais confiança, graças ao Amor que derramas no meu coração por Jesus e por todos que, desde Pedro e Paulo, formam a Família dos teus filhos.

Pai
me abandono a Ti
de mim, faz aquilo que quiseres
espero somente em Ti

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

What’s this?

You are currently reading a família que formamos at tempo comum.

meta