companheiros

Janeiro 1, 2013 § Deixe um comentário

Tenho estado aqui ao lado, em boa Companhia.

Nestes dias, marcou-me uma conversa, por skype, com o meu compañero de trabalho, que está em Espanha. Comentámos as mudanças, afugentámos os medos. O Jose, tal como os outros compañeros e colegas, prefere a nochevieja de fim de ano à nochebuena de Natal.
É com eles que aprendo a gostar desta sintonia de esperança.
É graças a eles que adoro o silêncio do Teu Nome, que poucas vezes é pronunciado, mas que é reverenciado nos gestos, nas palavras que nos aproximam.

Soaram os tiros de partida entre os fogos de artifício. Começou a maratona de resistência ao longo de mais um ano.

A noite adiantou-se e o dia está próximo. Despojemo-nos.
Quando se começa a fazer contas, a planificar as semanas…
o desafio é abrir as mãos
despojar-se
depor a confiança e a vida
desfazer as malas
deslocar-se dos lugares habituais
desapegar-se
desabrigar-se
sem medo
sem medo do desamparo
porque há alguém que mora no nosso desamparo
é o desamparo que nos move ao encontro
como conta Abraão… Rute… Ester… Maria… Paulo… Ana… Ângela… Sandra… Helena… Jose… Susi… Juan… Eduardo… e todos aqueles com quem partilhamos o Caminho.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

What’s this?

You are currently reading companheiros at tempo comum.

meta